5 desafios para Fintechs que podem ser superados com o Marketing Digital

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Marketing para Fintech pode ser a solução para superar os desafios.

As Fintechs são empresas que prestam serviços financeiros no ambiente digital. No Brasil, esse é um mercado que já vem crescendo substancialmente, principalmente por conta das suas vantagens diante aos bancos tradicionais.

Para ter ideia, no Brasil, há 5 bancos tradicionais que representam 85% do mercado. Por conta disso, temos um dos maiores spreads do mundo e um serviço que deixa a desejar em diversos aspectos. Nesse sentido, as Fintechs surgem para oferecer taxas e benefícios muito superiores aos bancos tradicionais.

Contudo, apesar dos seus benefícios, elas ainda possuem desafios que precisam ser superados o quanto antes. O que faz do Marketing Digital uma das melhores alternativas para quebrar essas barreiras que dificultam o ápice das Fintechs. 

Pensando nisso, selecionamos para você 5 desafios para Fintechs que podem ser superados com o Marketing Digital. Conheça cada um deles a seguir e impulsione os resultados da sua startup financeira.

5 desafios para Fintechs que podem ser superados com o Marketing Digital

1. Possuir poucos recursos para investir em publicidade

Se comparado aos meios tradicionais, o Marketing Digital possui um retorno sobre o investimento muito mais interessante. Isso porque ele mostra-se muito mais barato e mensurável do que as divulgações em rádio, TV e afins. 

Sabemos que os canais tradicionais são de extrema importância, considerando que a jornada do consumidor transita entre o on-line e o off-line. No entanto, para quem tem pouca margem para investir em ações que possam atrair e converter os leads em clientes, o Marketing Digital acaba se tornando um ótimo aliado.

Investir em Marketing Digital te possibilita a ter certeza sobre o seu alcance e total mensuração dos resultados.

Com estratégias de Inbound Marketing, anúncios no Google e nas Redes Sociais, você consegue impactar muito mais pessoas, pagando bem menos por isso. 

2. Não ter a confiança do consumidor

Trabalhar o branding, desde o propósito de marca ao reconhecimento de utilidade e valor, é o desafio de toda Fintech. Não adianta oferecer mais benefícios do que os bancos tradicionais se os consumidores não confiam nos seus produtos e serviços.

Nesse aspecto, o Marketing Digital, aliado à Publicidade, surge como uma forma de trabalhar essa confiança, com estratégias que realmente impactam o usuário. A criação de conteúdo relevante, por exemplo, é uma das formas de construir a credibilidade com os consumidores.

Inclusive, SEO, CRM, social media e e-mail marketing também são ótimos meios para manter essa comunicação com o consumidor. 

3. Necessitar de uma comunicação compreensível e acessível

Falar de dinheiro é um assunto delicado e que, muitas vezes, não é tão compreensível quanto poderia ser. Desse modo, trabalhar uma linguagem mais simplificada é uma das coisas que só é possível pelo Marketing Digital. 

Isso porque, antes da criação de conteúdo relevante, é feito todo um estudo sobre o consumidor. Desse modo, é criado um perfil semifictício, chamado de buyer persona, que representa o consumidor por meio de algumas características, como: 

  • Dados geográficos.
  • Renda.
  • Dados demográficos.
  • Interesses.
  • Principais pesquisas.
  • Canais de comunicação.  
  • Necessidades.
  • Preferências.

Dessa forma, ao criar o conteúdo, os profissionais responsáveis já terão em mente comunicação mais eficiente e eficaz. 

Em outras palavras, por meio do conteúdo relevante é possível solucionar os problemas do consumidor e ser útil. Assim, além de gradualmente direcioná-lo ao serviço que você oferece, a comunicação entre vocês fica mais acessível e compreensível. 

4. Ter dificuldades para fidelizar clientes

A própria estratégia de e-mail marketing e criação de conteúdo relevante já é uma forma de trabalhar a retenção de clientes. Afinal, é nutrindo o usuário com informações interessantes e úteis que uma marca se torna ainda mais presente. 

Por conta disso, a fidelização dos clientes passa a ser parte do processo final das estratégias de Marketing Digital.

5. Dificuldade de concorrer com grandes bancos

Por fim, toda Fintech deseja ser competitiva e concorrer com os grandes bancos atuais. Todavia, é comum que essas startups não possuam o mesmo investimento e credibilidade no mercado que os grandes bancos. Por isso, investir em estratégias com grande potencial de retorno e baixo investimento deve ser prioridade.

Como deu para notar, o Marketing Digital se encaixa perfeitamente nesse cenário, caracterizando como a melhor alternativa para essa disputa. 
Então, não desperdice o seu investimento em estratégias sem mensurações. Confie em um marketing que traz resultados reais e te mostra em detalhes como crescer ainda mais. Esperamos ter te ajudado a melhor a comunicação da sua Fintech, até mais!

Artigos Relacionados