Canais de venda on-line: um caminho sem volta

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Os canais de venda on-line já demonstravam ser um caminho sem volta há um bom tempo. Para comprovar isso, basta observar os dados dos levantamentos anuais (Webshoppers) da e-Bit/Nielsen. Pois, desde 2001, esses levantamentos estão entre os estudos de maior credibilidade sobre o comércio eletrônico brasileiro.

  • Segundo o Webshoppers, apenas de 2016 a 2018, o faturamento anual em vendas online passou de R$ 94 Bi para R$133 Bi. Além disso, o Brasil é o país com maior faturamento entre os da América Latina. Apenas com esses dados já é possível notar uma constante evolução.

Todavia, com a chegada do COVID-19 e as medidas de segurança na quarentena, é esperado um crescimento nunca visto. Isso porque comprar online se tornou a melhor e mais segura maneira de comprar. O que está produzindo resultados positivos em todos os canais de venda online.

Pensando nisso, selecionamos para você as principais vantagens de adotar os canais de venda online. Afinal de contas, vale a pena conhecer o verdadeiro motivo por trás de todo esse crescimento digital, inclusive na crise. Conheça cada uma delas a seguir e avalie as oportunidades para o seu negócio. Vamos lá?!

Canais de venda on-line funcionam mesmo na crise

Contar com soluções que ampliam as oportunidades para vender é essencial. Afinal, aumentar a receita, mesmo em situações adversas, é um desafio que qualquer empresa precisa superar.

Basicamente é isso o que os canais de venda on-line oferecem: oportunidades e meios para adquirir produtos. Como o próprio nome já induz, os canais são vias que aproximam o consumidor às soluções para as suas dores. Assim, independentemente do tipo de e-commerce, o usuário terá uma rota para se aproximar da sua marca. O que é crucial principalmente nas crises.

Recentemente pudemos constatar a sustentabilidade dos negócios que utilizam canais de vendas on-line. 

  • 💡 As empresas que vendem também pelos canais de venda on-line, desde as paralisações geradas pelo coronavírus, foram pouco afetadas. Isso porque, desde que as transportadoras continuem funcionando, não há motivos para não comprar com elas.

Canais de venda on-line são mais lucrativos

Consequentemente, os dados recentes demonstraram números muito favoráveis aos negócios digitais. Para se ter ideia, só na primeira quinzena de março as vendas online aumentaram 40% se comparadas ao ano anterior. Não somente, a pesquisa “Varejo em transformação – Estratégias, Práticas e Expectativas”, da Deloitte, demonstrou que: 

Em contrapartida, os negócios exclusivamente off-line estão em baixa lucratividade, sem contar as empresas que já quebraram.

Vale destacar, ainda, a clara vantagem de aproximação que os canais de vendas off-line muitas vezes não alcançam. A navegação na loja pode ser feita em qualquer local e a qualquer momento. Pois, apenas alguns toques em um dispositivo com acesso a internet já são o suficiente para levar a empresa até o usuário.

Logo, por questão de sobrevivência comercial, estar disponível é fundamental. 

Vender on-line tornou-se uma necessidade

O termo mais apropriado para empresas que se sustentam, mesmo em situações como essa, é o “antifrágil”. Afinal, os canais de venda on-line se tornaram uma saída para as crises, transformando uma empresa vulnerável em antifrágil. Em outras palavras, segundo o autor Nassim Nicholas, é a transformação para um negócio que, não apenas o ajuda a sobreviver, mas a se beneficiar no caos.

Além disso, as empresas estão aderindo aos canais de venda on-line em uma velocidade nunca antes vista. Isso desenvolveu uma concorrência digital em que algumas empresas estão prontas e outras nem tanto. O fato é que quanto mais tarde o seu negócio entra no digital, mais dinheiro ela deixa de faturar.

Para exemplificar, basta observar o desempenho das empresas líderes em maturidade digital no Brasil.

  • 🚀 Elas alcançam uma taxa de crescimento do EBITA até 3 vezes maior que as demais empresas. Globalmente, esse crescimento é ainda maior, pois os líderes digitais cresceram 5 vezes mais que as demais empresas.

Desse modo, independentemente dos canais de venda on-line, as empresas estão se digitalizando. Isso não significa parar de vender no off-line, mas reforça a importância de oferecer opções on-line. 

Conheça ainda: 5 formas de reter clientes e aumentar a receita.

Esperamos ter lhe ajudado a compreender um pouco mais da relevância dos canais de venda on-line. Aumente já os seus lucros com mais alternativas para os consumidores. Até mais!

Artigos Relacionados