12 dicas para o seu e-mail marketing valer a pena

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Para muitas pessoas, não tem nada mais chato do que ter que ler uma introdução imensa, que não diz nada, até chegar ao que interessa. Por isso, esta é a nossa primeira dica para o seu e-mail marketing ser sucesso.

1. Vá sempre direto ao ponto.

Seja claro e objetivo na sua mensagem. Prefira textos mais curtos.

2. Crie título e assunto instigantes.

Assim, você demonstra imediatamente que a sua mensagem tem valor.

3. Seja próximo, mas não invasivo.

As caixas de e-mail das pessoas são inundadas de Felipes, Márcias e Danielas que simplesmente não existem. Portanto, avalie o que pode ser melhor: enviar em nome de alguém ou da empresa. A pessoa que assina estará realmente disponível para responder? Se não, não force a barra para parecer próximo. Porém, se for viável, você pode personalizar a mensagem com o nome do cliente. É simpático.

4. Evite termos muito formais.

Essa é uma diferença entre ser próximo e muito distante. Um vocabulário mais coloquial facilita o entendimento e mostra que o seu produto/serviço é para aquela pessoa que recebeu a mensagem.

5. Envie tipos diferentes de mensagens no e-mail marketing.

Você pode variar entre e-mail promocional, news letter e leads informativos. Diferenciar a mensagem é sempre bom para que a pessoa não tenha a impressão de que já recebeu aquele conteúdo.

6.  Tenha cuidado com a frequência.

Considere o funil de vendas para avaliar quando deve aumentar ou diminuir o envio de e-mail marketing.

7. Preste atenção no horário.

O horário melhor para receber a mensagem geralmente coincide com o seu. Se você não gosta de receber mensagens muito cedo ou tarde da noite, não envie. Procure os horários em que as pessoas podem abrir e agir.

8. Peça autorização sempre.

Estamos na época do marketing da permissão. Então, evite comprar listas. Monte a sua e peça sempre a autorização por meio de um cadastro, por exemplo. É de bom tom lembrar à pessoa de que ela está recebendo aquele e-mail porque autorizou em um determinado lugar.

9. Dê a opção “não receber”.

Há ferramentas de automação que fazem a exclusão na sua lista. Mas você pode excluir periodicamente os e-mails das pessoas que cancelaram a assinatura ou reclamaram de spam.

10. Coloque o call to action antes do final.

A “chamada para ação” pode estar no meio do texto. Assim, a pessoa não precisa usar a barra de rolagem para chegar ao link.

11. Tente não virar spam.

Evite a cor vermelha e não use apenas imagem no corpo do e-mail. Pontos de exclamação e palavras como “free”, “clique” e “grátis” no assunto podem identificar o seu e-mail automaticamente como spam.

12. Saiba quem lê as suas mensagens.

Há softwares disponíveis para identificar quem abriu ou leu a sua comunicação, Você pode usar também as de sites de busca como o Google.

Baixe o nosso e-book “101 Dicas Rápidas Para um Marketing Digital de Resultados” e saiba mais sobre a produção e o envio eficiente de e-mail-marketing.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta